O desempenho econômico e social do Brasil desde o final do século 20 tem sido, de
modo gera, decepcionante. O país continua a figurar entre os gigantes do planeta, pela sua
dimensão territorial, populacional e econômica. Mas o ritmo de crescimento da economia
brasileira, que estava entre os mais altos do mundo até o início dos anos 1980, tem sido lento,
pouco superior ao da expansão demográfica. Ao mesmo tempo, a sociedade brasileira
continua desfigurada por níveis elevados de pobreza e por péssimos indicadores de
concentração da renda e da riqueza. A discussão de alternativas de políticas macroeconômicas
que permitam a retomada do desenvolvimento econômico com inclusão social continua a ser
da mais alta relevância – tanto mais que o desempenho desfavorável das décadas recentes
pode ser atribuído em parte à orientação das políticas macroeconômicas aplicadas no país.
O propósito do presente projeto, que tem a pretensão de ter caráter programático, é
passar em revista diversos tópicos da questão macroeconômica nacional com a ambição de
contribuir, ainda que de forma pontual e seletiva, para a definição de políticas econômicas
consistentes com o desenvolvimento nacional. O fio condutor será a ênfase no aspecto
nacional das questões econômicas, revisitando alguns temas clássicos da macroeconomia
contemporânea à luz do interesse nacional brasileiro.

UFRJ Colégio Brasileiro de Altos Estudos - UFRJ
Desenvolvido por: TIC/UFRJ